Minério de ferro sobe 4,79% com estoques de aço caindo na China

12 de abril de 2016

Ricardo Bomfim

O minério de ferro spot (à vista), negociado no porto de Qingdao com 62% de pureza, fechou em alta de 4,79%, a US$ 56,62. Os preços foram impulsionados por uma alta de quase 6% nas cotações doaço na bolsa de Xangai, que atingiram uma máxima de 10 meses em meio a uma queda da oferta e à recuperação sazonal da demanda no país asiático.

Os estoques de aço de comerciantes de chineses atingiram 10,4 milhões de toneladas em 8 de abril, queda de 5% ante a semana anterior e 28 por cento abaixo do mesmo período do ano passado, disse a analista da Argonaut Securities Helen Lau, em Hong Kong.

“À medida que o clima torna-se mais quente, a demanda por aço no norte da Chinaaumenta. Contudo, a oferta de aço segue apertada, uma vez que o ritmo de retomada deprodução tem sido lento devido ao aperto da liquidez financeira”, disse ela.

O minério de ferro com entrega imediata no porto de Tianjin, na China, subiu 4,9% nesta segunda-feira, para US$ 55,9 por tonelada, após fechar na sexta-feira a terceira semana consecutiva de perdas, segundo dados do The Steel Index.

A cotação do minério é um importante balizador para o desempenho das ações da Vale, já que é o seu principal produto. (Reuters)

Fonte: Infomoney
Seção: Mineração
Publicação: 12/04/2016

Compartilhe nas redes sociais