Siderúrgica americana aumento preços de aço em US$ 40 por tonelada

12 de julho de 2012

A siderúrgica americana AK Steel divulgou hoje que está promovendo um reajuste nos preços de seus produtos. A alta será realizada nos valores-base para o mercado à vista. A mudança será de US$ 40 a mais para cada tonelada de aço plano e laminado vendido.

No mundo todo, o setor vem tentando aumentar os preços praticados para reduzir as perdas registradas em meio a altos estoques de aço no mercado e temores de uma demanda mais fraca por conta da lenta recuperação da economia global.

Na quarta-feira, um distribuidor brasileiro informou que a Usiminas e a ArcelorMittal estavam reajustando seus preços para o mercado doméstico, entre 5% e 8%. A CSN, por sua vez, não acenou com nenhuma mudança.

A AK Steel vem em um momento complicado. No ano passado, reportou um prejuízo líquido de US$ 155,6 milhões, apesar da receita de US$ 6,47 bilhões. No primeiro trimestre, o resultado final foi negativo em US$ 11,8 milhões.

Na Nyse, bolsa de Nova York, as ações da siderúrgica estão no menor nível desde 2004. No pregão de hoje, por exemplo, os papéis caíram 0,3%, cotados a US$ 6,14. Sua máxima histórica, de US$ 71, foi registrada em maio de 2008. Na oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), os ativos foram vendidos a US$ 11,75.

Fonte: Valor
Seção: Siderurgia
Publicação: 11/07/2012

Compartilhe nas redes sociais