Vendas de materiais para construção caem de junho

20 de julho de 2012

O Índice ABRAMAT de vendas deflacionadas da indústria mostra que o mês de junho teve queda de 2% com relação ao mês de maio e crescimento de 1,9% na comparação com junho de 2011. O resultado acumulado do primeiro semestre de 2012 apresentou crescimento de 2,6% em relação ao primeiro semestre de 2011.

“O resultado acumulado no primeiro semestre está abaixo da expectativa para o ano, que é de 3,4% de crescimento em relação a 2011. Atingir a atual previsão em 2012 será um grande desafio e dependerá fortemente do desempenho dos investimentos públicos e privados bem como de medidas de desoneração no setor”, afirma Walter Cover, presidente da ABRAMAT. No médio prazo há uma grande expectativa na redução de custos estruturais como de energia e logística.

O presidente da entidade informou que a ABRAMAT está reforçando o pleito de desoneração de IPI de todos os materiais de construção e na extensão do prazo da desoneração para além de dezembro desse ano.

O nível de emprego deste mês, em relação ao mesmo mês do ano passado, apresentou crescimento de 2%.

Fonte: Agência IN
Seção: Construção Civil
Publicação: 20/07/2012

Compartilhe nas redes sociais